No momento você está vendo O que é melhor: Google Ads ou Facebook Ads?

O que é melhor: Google Ads ou Facebook Ads?

Google Versus Facebook

Qual a melhor plataforma para você fazer vendas?

Se você está em dúvida se é melhor investir no Facebook ou no Google, confira esse post até o final. Tenho certeza que se você ler tudo, tomará a melhor decisão para sua estratégia 😉

Se você quer aquecer as suas vendas e considera o tráfego pago, sabe que as 2 principais plataformas para fazer anúncios e vender produtos são: Google Ads e o  Facebook Ads.

E qual dessas 2 plataformas é a melhor?

Ambas são gigantes e concentram milhões de usuários, isso não é novidade. Mas qual vende mais?

E a resposta é: depende.

Depende do seu produto, depende do seu objetivo, depende da sua estratégia e depende do seu capital.. MAS tem uma forma de avaliar qual estratégia faz mais sentido.

Então vamos lá:

Para quem você deve vender?

igamos que você queira vender um iphone 11 com 30% de desconto.

A oferta pode ser ótima, mas se tentar vender para uma pessoa que já tem iphone 11, ela dificilmente desejará comprar, concorda?

A melhor forma de vender é impactando quem precisa do produto.

Agora pensa comigo: quem tem mais chances de comprar um iphone?

  • opção a: uma pessoa que coloca o termo “comprar iphone 11” no Google, ou
  • opção b: uma pessoa que curte a página da Apple no Facebook

A opção b até pode comprar, mas a opção a é mais quente, não concorda?

Se você tivesse apenas 1 tiro, aonde apostaria o seu lance? No a ou no b?

É claro que a opção a é mais assertiva, seu esforço de venda vai ser bem menor.

E a explicação é simples:

Intenção de Compra Faz Diferença

Trata-se da a intenção de compra.

A intenção de compra é maior no usuário que colocou comprar iphone no Google. Logo, seu esforço de venda será menor.

Quando o Google Não faz Sentido

No Facebook, a pessoa está num momento de distração, ela pode se interessar ou não pelo que você tem a oferecer.

Por outro lado, no Google, o usuário está pesquisando por aquele produto ou serviço, portanto está muito mais inclinado a fechar um negócio.

Agora, existem casos, em que a pessoa precisa de um produto, mas ela nem sabe disso. Então, é claro que nesse contexto não podemos contar que esse pessoa vá pesquisar no Google.

Digamos por exemplo que você tem um produto para curar ansiedade de cães. Só que o dono nem sabe que o cão é ansioso…então, como vc faria para atrair atenção dele se ele não vai pesquisar por isso no Google?

Nesse caso, a estratégia do Google não faria tanto sentido…

Explore o Facebook com Inteligência ( e Pés no Chão)

Logo, você pode recorrer ao Facebook Ads e anunciar para um público que engaje com assuntos pet, distribuindo um conteúdo como: 

10 sinais de que seu cão sofre de ansiedade e está desesperado pela sua ajuda

Com isso, aquela pessoa que consumir esse conteúdo poderá ficar mais consciente do problema e passar a se interessar pelo produto.

Mas não se engane achando que é só fazer um anúncio de conversão e levar esse público para página de venda do produto.

Não é assim que normalmente funciona.

Uns podem até comprar, mas meu palpite é que você vai queimar muita verba para gerar vendas.

E na melhor das hipóteses, terá um lucro pequeno ou conseguirá empatar o placar considerando o valor investido.

Quando o consumidor decide comprar?

Quando o consumidor faz uma compra, ele atravessa uma jornada desde o momento que descobre que tem um problema até o momento que decide comprar.

Para explicar isso, existe um funil famoso no marketing.

Vamos olhar para esse funil aqui embaixo e pensar no público que desejamos impactar para vender remédio de ansiedade canina.

Deixe um comentário